Pagamento sem dinheiro: conheça a nova tendência do mercado

2 anos
Eyemobile
Por Eyemobile

Embora em muitos países o pagamento sem dinheiro já seja uma realidade e uma praticidade a mais no dia a dia das pessoas, aqui no Brasil muitos empreendedores ainda têm um pouco de receio sobre essa novidade – e não conseguem entender muito bem as vantagens que essa tecnologia pode trazer para as suas vendas.

Justamente devido a essa falta de conhecimento é que muitos negócios deixam de investir na tecnologia cashless e acabam perdendo ótimas oportunidades para ampliarem suas vendas e oferecerem ainda mais conforto aos seus clientes.

Quer entender de que forma funciona o pagamento sem dinheiro – e como ele pode ser uma boa solução para o seu negócio? Continue a leitura!

Pagamento sem dinheiro: como essa tecnologia funciona?

O pagamento sem dinheiro, também conhecido como cashless, é uma tecnologia bastante segura e que, ao contrário dos meios tradicionais, não utiliza cartões de crédito, débito e nem dinheiro em espécie.

Todas as transações comerciais são feitas por meio de uma tecnologia mobile capaz de realizar transferências bancárias ou contar com créditos pré-pagos, sendo essa última mais usada em eventos e em arenas esportivas, onde o consumidor insere uma quantidade X de créditos em uma pulseira RFID, por exemplo, e então os utiliza dentro do espaço.

Porém, além dos ambientes de eventos, essa tecnologia também pode ser utilizada por empresas comerciais substituindo os meios tradicionais de pagamento e promovendo mais segurança para os seus clientes.

Em bares, casas noturnas, restaurantes e outros estabelecimentos com um movimento grande esses sistemas já começam a aparecer de forma ainda muito tímida, principalmente evitando as filas na hora da cobrança das comandas, por exemplo.

Hoje, o método mais usado em muitos países é o uso de aplicativos em celulares. Assim, quando alguém realizar uma compra no seu comércio, bastará ele aproximar o celular do seu sistema cashless e automaticamente a transferência será realizada, com o valor estipulado da compra, da conta do cliente para a sua conta.

Toda essa transação, claro, é feita em ambiente totalmente seguro, com os dados criptografados, garantindo que as chances de fraudes e invasões sejam praticamente zeradas, o que aumenta a confiança do consumidor e a segurança dos lojistas.

Sem dinheiro em caixa, o número de assaltos aos negócios tende a diminuir, tornando essa uma alternativa interessante para reduzir a criminalidade em grandes centros urbanos, por exemplo.

Como a tecnologia cashless tem sido usada em outros países?

Como dissemos, aqui no Brasil essa iniciativa ainda é bastante tímida, porém em outros países ela já é uma realidade consolidada, como é o caso da Suécia. Nesse país, os comércios não aceitam mais o pagamento com dinheiro, as únicas formas aceitas são cartões de crédito e débito ou a transferência direta através do smartphone (via cashless).

Essa situação é idêntica para qualquer estabelecimento comercial, não importa se você for comprar apenas uma lata de refrigerante ou um automóvel 0km.

Outro país que tem adotado essa medida é a Dinamarca, sendo que a intenção do governo é tornar o país totalmente livre do dinheiro físico – que está restrito apenas aos serviços essenciais, como farmácia e correios.

Para conseguir atingir esse objetivo, o governo dinamarquês não está mais fabricando cédulas e por isso todos os pagamentos estão sendo feitos via MobilePay – um aplicativo instalado em smartphones e que permite, de maneira segura, a transferência de dinheiro para outras contas bancárias ou celulares.

Nos Estados Unidos, a tendência também está começando com o uso de aplicativos da Apple com os quais basta apenas uma aproximação do celular ao caixa para que seja transferido na hora o valor correto da compra, sem a necessidade de burocracias adicionais, como CPF, senha, etc.

Parece ficção científica? Pois saiba que as projeções para o setor são animadoras. Mesmo a tecnologia cashless ainda sendo recente no Brasil, o Banco Central apontou um crescimento de 2275% nos últimos 5 anos – e ainda existe expectativa para crescimentos muito maiores na área.

Por que o pagamento sem dinheiro é uma tendência mundial?

Como você pode notar, o pagamento sem dinheiro está se tornando uma verdadeira tendência mundial, e muitos especialistas afirmam que esse deve ser o futuro quando falamos em transações comerciais.

E os motivos para isso são vários, já que a tecnologia cashless traz inúmeras vantagens tanto para quem compra, como para quem vende, como por exemplo:

  • redução das filas, devido a agilidade no processo;
  • mais segurança para vendedores e compradores, já que as pessoas não circulam com dinheiro físico, diminuindo os roubos e furtos;
  • aumento do estímulo de compra, afinal você não precisa ter determinada quantia na carteira para realizar a transação;
  • redução das chances de fraudes e falsificações de cédulas;
  • maior controle para os usuários que têm acesso no seu extrato bancário de todas as transações realizadas;
  • maior controle para os vendedores que sabem exatamente o que foi vendido e qual o valor recebido, facilitando o fluxo de caixa;
  • aumento da fidelização da clientela;
  • mais segurança para ambos os lados, porque as tecnologias cashless trabalham com conexões seguras e dados criptografados que reduzem a praticamente zero as chances de invasões, roubos e etc.

Além de todas essas vantagens, os comerciantes ainda podem personalizar a sua tecnologia, capturando dados especiais dos seus consumidores, o que pode ajudar nas campanhas de marketing, entendendo melhor quem são seus clientes, com informações como sexo, preferências comerciais, itens mais buscados, dias e horários de maior venda, entre outros.

Tudo isso, é claro, se reverte em lucros mais altos aos comerciantes, além de maior facilidade na hora de gerirem a vida financeira dos seus negócios, reduzindo as chances de inadimplência ou de dinheiro falso, cheques sem fundos e outros problemas usuais no dia a dia de várias empresas.

Com acesso a todas essas informações, você poderá produzir relatórios mais reais sobre o seu fluxo de caixa, entendendo as flutuações pelas quais o seu negócio passa, quem são seus consumidores, quais são suas preferências de compra, entre outros dados – permitindo tomadas de decisões mais eficientes e que tragam resultados mais animadores.

E, então, já está convencido de que o pagamento sem dinheiro é o futuro para as transações comerciais? Já pensou em usar esse método na sua realidade? Deixe um comentário pra gente com a sua opinião!