Vantagens da emissão fiscal eletrônica

2 anos
Eyemobile
Por Eyemobile

Todo empresário sabe que a emissão da nota fiscal é obrigatória em qualquer tipo de transação comercial. Mas, para tornar esse processo mais simples e eficiente, algumas mudanças aconteceram de uns anos para cá, como o surgimento da emissão fiscal eletrônica.

Com a criação da Nota Fiscal Eletrônica e da Nota Fiscal do Consumidor Eletrônico, muitas facilidades e benefícios foram trazidos tanto para os consumidores, que têm mais certeza de que não existe sonegação fiscal, como para os empresários.

Se você ainda não sabe quais são essas vantagens, continue a leitura e descubra!

Redução de custos

Trabalhar melhor e com menos custos é o sonho de qualquer gestor. A emissão fiscal eletrônica veio para auxiliar a otimizar os seus custos de operação, pois  você não precisa mais gastar comprando o emissor fiscal, os papéis específicos e ainda armazenando toda nota emitida.

Com a emissão fiscal eletrônica, tudo ficou muito mais simples, afinal não existe a necessidade da emissão de notas físicas, todo o processo acontece digitalmente, reduzindo os custos com o emissor e com os papéis.

Mas, caso a sua empresa sinta a necessidade de emitir a Danfe (que é a versão física da Nota), ainda é mais econômico do que com o método anterior, já que a mesma pode ser impressa em qualquer papel e por qualquer impressora.

Facilidade na prestação de contas

A burocracia e a alta complexidade dos antigos relatórios fiscais faziam com que muitos gestores acabassem com sérios problemas com o Fisco. Algumas das vezes, os motivos eram erros de preenchimento, esquecimento de envio das informações dentro do prazo estipulado e problemas de escrituração.

Mas, com a emissão fiscal eletrônica, todo o procedimento ficou muito mais simples, rápido e intuitivo, reduzindo a burocracia e consequentemente as chances de erros. Diariamente, as notas emitidas são enviadas, pela internet, diretamente ao Fisco, facilitando que todas as obrigações fiscais sejam cumpridas e evitando multas e sanções ao empresário.

Claro que, para isso, é fundamental que ao emitir a nota você preencha todos os campos de forma correta, evitando falhas com códigos e classificação fiscal, além de ter um emissor fiscal e um sistema administrativo que estejam em sintonia com as exigências do Sefaz.

Agilidade nos processos internos

Com a emissão eletrônica das notas fiscais, o tempo gasto com o setor contábil e também a mão de obra necessária são drasticamente reduzidos. Se, antes, era preciso emitir as notas fisicamente, enviar as informações manualmente até o Fisco e manter um acompanhamento das notas emitidas e enviadas, hoje uma boa parte desse processo é feita eletronicamente.

Isso significa que, automaticamente, as informações são enviadas à Secretaria da Fazenda, sem que você ou seus funcionários tenham de perder tempo com esse processo. Além disso, é muito mais simples acompanhar todas as notas emitidas e as informações enviadas digitalmente, evitando ter que necessitar de funcionários extras para acompanhar esses procedimentos.

Soluções mobile

A nossa sociedade está cada vez mais tecnológica e ter acesso rapidamente às informações é algo extremamente importante. A emissão fiscal eletrônica é um processo inovador e que permite ser integrado a diversas tecnologias, inclusive a soluções mobile.

Isso significa que, através do seu smartphone ou tablet, por exemplo, você poderá emitir suas notas fiscais e acompanhar todos os processos de envio de informações ao Fisco, facilitando que todos os seus sistemas trabalhem de maneira integrada, sem perda de informações ou de dados importantes para o seu negócio.

Mais segurança

A emissão fiscal eletrônica garante mais segurança tanto para o empresário, como para o consumidor. Para o comerciante, o sistema garante a certeza de que todos os dados e informações importantes estão sendo transmitidos de maneira adequada, impedindo erros e fraudes.

Já os consumidores, através de um QR Code impresso no comprovante de compra, conseguem acessar todo o detalhamento da transação e ter a certeza de que a transação foi feita de maneira legal e de que o comerciante não está sonegando impostos.

Flexibilidade e adequação a sua realidade

Se, há alguns anos, os comerciantes não tinham opções de escolha na hora de emitir as notas fiscais, isso já não ocorre mais. Embora a emissão seja feita obrigatoriamente pelo sistema do Fisco, o comerciante pode optar entre emitir a Danfe fisicamente ou enviá-la por e-mail ao cliente, junto do arquivo XML.

Também é possível escolher as formas de armazenar os XMLs das notas emitidas, em um banco de dados em nuvem, por exemplo, ou adequando o armazenamento e até o envio ao sistema que você já usa no seu comércio.

Até mesmo para os escritórios de contabilidade esse novo procedimento é vantajoso, já que facilita a escrituração contábil e fiscal, através do gerenciamento eletrônico dos documentos dos clientes.

Melhora no planejamento logístico

Se a sua empresa trabalha em parceria com uma transportadora ou com um sistema de entregas, a emissão fiscal eletrônica é um ótimo aliado. Afinal, a nota eletrônica fornece informações bastante antecipadas para a logística, o que favorece o armazenamento e a descarga de produtos com maior antecedência.

Para as empresas que trabalham com parada de caminhões em postos de fronteira, por exemplo, o tempo é ainda mais reduzido, já que a nota fiscal eletrônica facilita também o processo de fiscalização.

Centralização das informações

As empresas muito grandes e com várias filiais podiam ter grandes problemas na hora de reunir todas as informações sobre as notas fiscais emitidas, o que causava lentidão nos processos e grandes encargos de mão de obra.

Mas, com a emissão fiscal eletrônica é possível centralizar todas as notas fiscais na matriz, reduzindo o número de funcionários e de encargos trabalhistas como as horas extras.

Além disso, como as notas fiscais podem ser enviadas e armazenadas eletronicamente, você não precisará dispor de recursos extras como correios, motoboys e outros, tendo a garantia da permanência dos dados.

Será que a sua empresa está preparada para a emissão fiscal eletrônica?

Embora a emissão de notas fiscais eletrônicas não seja novidade, ainda existem muitas empresas que não dispõem de recursos integrados para realizar a gestão adequada do setor contábil dos seus negócios.

Além do equipamento específico e do certificado digital, é muito importante contar com um sistema próprio que integre toda a vida financeira e o frente de caixa da sua empresa. Isso significa que, quando uma venda for realizada, esses dados ficarão disponíveis para, rapidamente, a nota fiscal ser emitida e enviada ao fisco, facilitando o seu dia a dia.

Um bom software de emissão fiscal é essencial e pode ser o que faltava para tornar o seu negócio ainda mais competitivo e bem administrado, que seja capaz de integrar o seu frente de caixa e de funcionar de maneira compatível com todos os seus meios de cobrança, incluindo as maquininhas de cartão.

E então, já está convencido das vantagens da emissão fiscal eletrônica? Se você gostou desse conteúdo, compartilhe-o em suas redes sociais!